Cumpriram-se as melhores expectativas para o expoMECÂNICA

27 março 2018
14min.

A três semanas de se realizar, o 5.º Salão de Equipamentos, Serviços e Peças Auto já está a bater vários recordes de participação e espaço.

expoMECÂNICA (Arquivo 2017)

O expoMECÂNICA tem inauguração agendada para 20 de Abril, na Exponor e já suplantou a barreira dos 200 expositores definidos como objectivo. Cerca de 20% das empresas e entidades inscritas são oriundas de fora de Portugal, num total de 44, de cinco países diferentes. Quase 57% delas vêm de Espanha. E, pela primeira vez, a feira terá um pavilhão internacional, organizado pela Câmara de Comércio Italiana em Portugal.

Cumpriram-se as melhores expectativas da organização do expoMECÂNICA - 5.º Salão de Equipamentos, Serviços e Peças Auto, e, mais do que isso, viram-se ultrapassadas as metas definidas. A feira que agrega toda a cadeia de valor do pós-venda automóvel português arrancará daqui a três semanas na EXPONOR – Feira Internacional do Porto (de 20 a 22 de abril) com um número superior a 200 operadores económicos do aftermarket do sector.

Até ao momento, são 215 as empresas e entidades inscritas, número que representa um crescimento de 31% (mais 51 expositores) relativamente à edição anterior. A participação internacional subiu exponencialmente também. Praticamente quadruplicou, tendo em conta a média das últimas quatro edições.

Dos 44 expositores estrangeiros confirmados, 25 vêm de Espanha (58% do total), 16 chegam de Itália, um da Alemanha, um da Holanda e ainda outro da Polónia. Globalmente, a delegação empresarial estrangeira representa 20% dos agentes setoriais da exposição. Que comportará, pela primeira vez, um pavilhão internacional, organizado pela Câmara de Comércio Italiana em Portugal.

O espaço expositivo, definido em 14.000 metros quadrados, está à data de hoje 38% acima do de 2017. O Salão exibe um alto índice de fidelização, tem conseguido a adesão de importantes fabricantes e reconhecidos representantes exclusivos de algumas marcas conceituadas do aftermarket, e conquistou mais 73 novas empresas, que exporão pela primeira vez.

Para a KiKai Eventos, entidade dinamizadora do certame, estes indicadores «sinalizam que o sector do pós-venda português está num momento de confiança económica, com expectativas de crescimento gradual e em linha com a estatística que aponta a curva ascendente na produção e comercialização automóvel no nosso País», como nota José Manuel Costa, director-geral da KiKai.

Volume de negócios do sector em consolidação
A realidade da 5.ª edição do expoMECÂNICA posiciona-o como o maior certame português de sempre deste segmento, estabelecendo um novo standard. O acontecimento é uma montra das mais recentes soluções e inovações nas áreas de peças e sistemas, tecnologias de informação e gestão, reparação e manutenção, acessórios e customização, e estações de serviço e lavagem.

Embora ainda não existam em Portugal estatísticas precisas do setor, como nota Joaquim Candeias, presidente da Divisão de Peças e Acessórios Independentes (DPAI) da Associação Automóvel de Portugal (ACAP) e um dos directores da federação europeia (a FIGIEFA) que representa politicamente em Bruxelas os distribuidores da actividade, o volume de negócios no pós-venda independente luso andará entre os 2,5 e os três mil milhões de euros, condição que «tem sido consolidada» nos últimos anos.

Com uma realização recordista em marcha, os segmentos que espelham a actividade económica preparam-se igualmente para debater o setor nas múltiplas iniciativas (cerca de meia centena) paralelas ao evento, distribuídas por vários cenários, mas com epicentro no próprio espaço expositivo.

A Associação Nacional das Empresas do Comércio e da Reparação Automóvel (ANECRA) é uma das entidades com atividade programada. O seu 14.º Encontro da Reparação Automóvel em Portugal (dia 21 de Abril, a partir das 10,30 horas) fará subir à tribuna do Auditório da Associação Empresarial de Portugal o sugestivo tema “Não é o fim do negócio… É um novo começo!”.

“Arena dos Pneus” e “Memórias do aftermarket” são duas das novidades
Uma das novidades do 5.º Salão de Equipamentos, Serviços e Peças Auto será a “Arena dos Pneus”, que promoverá um amplo debate sobre a importância dos rodados na prevenção e segurança rodoviária e conta com o apoio editorial da Revista dos Pneus. Será uma oportunidade única de muitos profissionais terem acesso aos mais conceituados oradores da especialidade e às tendências do segmento, partilhando experiências.

A acção contará com a participação da Unidade de Trânsito da Guarda Nacional Republicana, na ótica da sensibilização para a importância dos pneus. O espaço será dinamizado com documentários, passatempos, realidade virtual e uma pequena exposição. Os participantes receberão ainda um Guia do Pneu.

Outra das estreias ganhou o título de “Memórias do aftermarket”. Trata-se de uma iniciativa, em formato de exposição, que propõe um «saudoso passo atrás» a todos aqueles que adotaram o mundo automóvel como forma de vida profissional, numa evocação do passado do sector nacional. O evento foi aos bastidores das oficinas buscar alguns dos componentes fundamentais que marcaram os carros no século XX.

“Demotec by CEPRA” e “expoTALKS by Valente & Lopes”
Duas das forças motrizes do programa de actividades complementares do expoMECÂNICA continuam a ser o Espaço de Demonstração “Demotec by CEPRA” e o ciclo de conferências “expoTALKS by Valente & Lopes”, este com o apoio editorial da Revista Pós-Venda.

De carácter mais técnico, o “Demotec by CEPRA” oferece gratuitamente aos profissionais e aos formandos dos segmentos de manutenção e reparação automóvel, ao longo de três dias, dezenas de horas/acções de formação, com diversos temas em agenda (consultar programa detalhado em www.expomecanica.pt). Um formato que António Caldeira, director do Centro de Formação Profissional da Reparação Automóvel, acredita que, mais uma vez, será «bem acolhido», esperando «poder contribuir para que a formação profissional seja cada vez mais entendida como determinante para o sucesso das empresas».

De forma a facilitar a participação ao Demotec, designadamente ao nível da inscrição e acesso, esta poderá ser feita antecipadamente no portal do CEPRA (www.cepra.pt), garantindo, diz ainda António Caldeira, «um lugar no dia e hora pretendidos, bem como entrada directa na feira (sem necessidade de fazer o chek-in pelo acesso de visitantes).

Já o “expoTALKS by Valente & Lopes” e com apoio editorial da revista Pós-Venda serve de palco a assuntos mais transversais, mas sempre com a atualidade do setor em cima da mesa (a tabela das ações ver-se-á atualizada ao minuto até à véspera do expoMECÂNICA e poderá ser acedida através do site do evento).

Plateau TV faz zoom aos grandes temas
As mudanças no aftermarket, a digitalização das oficinas (tendências, desafios e oportunidades), o Lean Management e o comércio de pneus em Portugal (presente e futuro do segmento) são alguns dos painéis de debate da “Plateau TV”, um empreendimento do Jornal das Oficinas que voltará a vestir o expoMECÂNICA de estúdio de televisão, dando destaque, em directo, aos protagonistas do pós-venda e aos assuntos que mais os motivam na actualidade.

Miguel Ángel Álvaro (GT Motive), Pedro Barros (TIPS 4Y), Sérgio Furtado (Auto Furtado) e Gualter Mota Santos (Filinto Mota) dão o mote para a mesa-redonda do dia 20 (sexta-feira), às 11 horas, a propósito dos desafios digitais das oficinas. No mesmo dia, às 16 horas, Jorge Cancella de Abreu (Director Geral da Team-Up) é o entrevistado convidado para abordar o Relacionamento das oficinas com os clientes.

No sábado (dia 21), às 11 horas, a reflexão gira em torno da criação de mais valor para os clientes das oficinas. João Costa (ATEC), José Carlos Pires (Kaizen Institute Western Europe), João Calha (Axalta Coating Systems) e Pedro Azevedo (Bahco) fazem as honras. Às 16 horas, o entrevistado será Dário Afonso (diretor-geral da ACM) e o tema centra-se na reação e adaptação às mudanças no sector.

No domingo (dia 22), às 11 horas, a realidade do comércio de pneus em Portugal surge através dos argumentos de Luís Martins (Gripen Wheels Iberia), Aldo Machado (Nex Tyres), Paulo Santos (Tirso Pneus) e Paulo Torres (Psipneus).

Nova School of Business and Economics “deslocaliza” curso para a feira
Outra das iniciativas que robustece ainda mais esta edição é o Programa Avançado de Gestão para profissionais do pós-venda automóvel, que descentralizará um dos módulos formativos para o Salão. A ação é promovida pela Divisão de Peças e Acessórios Independentes da Associação Automóvel de Portugal (ACAP), em parceria com a Nova School of Business and Economics.

É, no fundo, uma forma de um curso de terreno estar mesmo no meio dele, com docentes e conceitos em contexto prático.

A Associação Nacional do Ramo Automóvel (ARAN), por sua vez, levará a efeito uma intervenção com carácter formativo, no dia 21 (sábado), às 14,30 horas, com as últimas sobre marketing digital em contexto oficinal, o quadro legal que regulamenta o sector, as mudanças nas obrigações ambientais, as inovações automóveis (elétricos, híbridos e afins), em agenda.

De forma a facilitar ainda mais a visita à feira, a Organização vai proporcionar, pela primeira vez, o Smart Badge (acreditação). Esta pasta virtual para o evento permite aos profissionais armazenar digitalmente toda a informação dos expositores visitados, evitando assim o peso das brochuras pesadas durante a incursão no expoMECÂNICA.

O credenciamento on-line já está também a decorrer, com o propósito de menorizar os tempos de espera à entrada do Salão.

Síntese:

expoMECÂNICA 2018 – 5.º Salão de Equipamentos, Serviçose Peças Auto
Organização: KiKai Eventos
Data: de 20 a 22 de abril
Local: EXPONOR – Feira Internacional do Porto, Pavilhões 4 e 5
Horário: das 10 às 20 horas, na sexta-feira; das 10 às 21 horas, no sábado; e das 10 às 19 horas, no domingo
Em exposição: Peças & Sistemas; Tecnologias de Informação & Gestão; Estações de Serviço & Lavagem; Reparação & Manutenção; Acessórios & Customização
Perfil do visitante: O expoMECÂNICA é um salão profissional. O acesso faz-se mediante convite e os profissionais devem credenciar-se antes da sua visita. É interdita a entrada a menores de 14 anos.
Apoios: Associação Nacional do Ramo Automóvel (ARAN), Associação Nacional das Empresas do Comércio e da Reparação Automóvel (ANECRA), Associação Automóvel de Portugal (ACAP), Associação Nacional de Transportadores Públicos Rodoviários de Mercadorias (ANTRAM), Centro de Formação Profissional da Reparação Automóvel (CEPRA),Centro de Arbitragem do Sector Automóvel (CASA), Asociación Autónoma de Empresarios de Talleres de Reparaciones de Vehículos de la Provincia de Pontevedra (ATRA), Asociación Provincial Reparación de Vehículos de La Coruña (APTCOR), Asociación Provincial de Talleres de Reparación de Vehículos de Ourense (ATAVE) e Asociación Provincial de Reparación y Venta de Automóviles y Recambios – Lugo (APREVAR).
Media partners: Turbo Oficina, Turbo Oficina Comerciais, Jornal das Oficinas, Revista dos Pneus, Revista PósVenda, Revista PósVenda Pesados, AutoAfterMarketNews, AutoPos, Infocap, Mundo Recambio y Taller, Vida Económica – Suplemento da ARAN, Revista da ANECRA, Revista Eurotransporte, Eurotransporte TV, Revista Pesados & Mercadorias, Jornal de Notícias, O Jogo, TSF, Antena Minho, Correio do Minho, RFM, Rádio Comercial e IPCM Ibérica.

PR


Tags
Revista
Assinaturas
Faça uma assinatura da revista EUROTRANSPORTE. Não perca nenhuma edição, e receba-a comodamente na usa casa ou no seu emprego.